• Jarde Lopes

Dia mundial do Empreendedorismo Feminino!

Atualizado: Jun 6


O dia 19 de novembro foi criado pela ONU para dar mais visibilidade aos negócios liderados por mulheres. Nós da Ativas Digital, acreditamos nos propósitos femininos e queremos sempre dar força e motivar as nossas companheiras de jornada.


No post de hoje, vamos passar alguns dados sobre empreendedorismo feminino e apresentar algumas empreendedoras de moda alagoanas que amamos conhecer!


Segundo estudo realizado pelo Sebrae, em março de 2019, o Brasil ocupava a 7ª posição em proporção de mulheres entre os empreendedores iniciais. Na média nacional, o número de mulheres que empreendem é de 34%, sendo estas mais jovens e com maior escolaridade que homens, porém, ganhando ainda 22% a menos que eles.


Atualmente, as empreendedoras representam 48% dos MEIs (Microempreendedor Individual), atuando nos setores de moda, beleza e alimentação, compondo, dessa maneira, uma importante parcela do empreendedorismo no país, beneficiando a economia e a sociedade em sua totalidade.

Acreditamos na força feminina, na construção dos seus sonhos! No dia mundial do empreendedorismo feminino, 19 de novembro, trazemos algumas empreendedoras alagoanas, como a Alda Gomes que empreende no setor da confecção e criação de moda, com seu ateliê localizado na cidade de Maceió/Alagoas; Solange Arruda, Designer na marca que leva o seu nome com peças de moda e decoração autorais e Rejane Pimentel, à frente Linhas, Pontos e Panos, marca autoral, que tem a chita, a renascença, o ponto cruz e outros bordados como referência de suas criações.

Alda Gomes é costureira, modelista e produtora de moda. Começou seu ateliê do zero, com uma máquina emprestada. Mas sua história com a costura já existe há 20 anos, iniciando-se com a máquina de costura da sua mãe. Hoje, após 11 anos no mercado, sente-se realizada por poder materializar os sonhos de marcas autorais alagoanas, que a procuram para produzir suas coleções. Alda se sente superpoderosa, porque acreditou em si mesma e mesmo diante das adversidades, sempre foi em busca de conhecimento para fazer o que ama.



Solange Arruda é psicóloga de formação, mas foi na criação de acessórios arrojados e autorais de moda e decoração que ela se encontrou. Nascida em Brasília, foi o casamento com um alagoano que a trouxe para Maceió há 25 anos. Apaixonada pelo feito à mão, a cultura e tradições brasileiras, foi em Alagoas que começou a se testar como artista e a então desenvolver a marca que leva o seu nome. Há aproximadamente 15 anos a criadora de peças autorais com design marcante é referência no estado e Brasil a fora. Solange diz que sua maior missão/paixão e vocação é criar peças alegres, hipercoloridas e originais para o público que busca se expressar através da moda-arte.

Rejane Pimentel está à frente do ateliê Linhas, Pontos e Panos desde 2014. O trabalho desenvolvido por ela tem a chita, a renascença, o ponto cruz e outros bordados como referência criativa. As peças de chita, que passam pelo processo de estonagem, dando um aspecto de linho ao tecido, são o ponto-alto da marca, que produz modelos autorais, cheios de charme para os amantes do handmade. A criadora de moda ama a sua arte e diz que para empreender é preciso coragem, foco e determinação. Você também concorda?




Vamos continuar apoiando os negócios femininos? Vai no nosso Instagram e marque perfis de mulheres que empreendem e são exemplo para você. Aproveita e segue os perfis dessas mulheres incríveis também!


Créditos das imagens:

1.freepik

2 e 3. Alda Gomes e Solange Arruda

4. Rejane Pimentel


#empreendedorismo

Posts Relacionados

Ver tudo